Defesa Civil reconhecerá, sumariamente, Situação de Emergência em BH e Contagem

As cidades tem sofrido nos últimos dias com chuvas intensas e eventos como inundações e alagamentos. E ainda há a possibilidade de mais chuva forte para esta sexta-feira (24)

0
301
defesa civil nacional reconhece situacao de emergência em cidades mineiras

Em seu portal de notícias, a Secretaria de Proteção e Defesa Civil Nacional – SEDEC, informa que reconhece, de forma sumária, a Situação de Emergência nos municípios mineiros de Belo Horizonte e Contagem. A capital vem sofrendo com fortes chuvas nos últimos dias, já em Contagem, na região metropolitana, as chuvas vêm ocasionando inundações.

Desde a segunda-feira (20), o secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, coronel Alexandre Lucas, participa de reuniões nas cidades mineiras para a definição do planejamento de resposta por conta dos danos causados pelas chuvas.

Reconhecimento Sumário

Quando o desastre é público e notório, é considerado de grande intensidade, sendo assim, nestes casos a Defesa Civil Nacional realiza o procedimento de reconhecimento mesmo que os municípios não tenham iniciado o processo de reconhecimento da Situação de Emergência ou Estado de Calamidade Pública, preenchendo todos os pré-requisitos da Instrução Normativa 02/2016.

Dessa forma evita todo o processo burocrático e agiliza o atendimento a população quanto as ações de resposta e socorro.

defesa civil nacional reconhece situacao de emergência em cidades mineiras
Foto da Av. Tereza Cristina em Contagem MG

Auxílio

O apoio emergencial por meio da SEDEC é complementar à atuação dos governos estaduais e municipais. Após o reconhecimento federal, os municípios devem elaborar um Plano de Trabalho e encaminhar ao Ministério do Desenvolvimento Regional – MDR. A partir dessas informações, equipes da Sedec avaliam as necessidades e o volume de recursos para o atendimento das demandas.

Para ações de resposta ao desastre, o apoio abrange desde a distribuição de kits de assistência humanitária (cestas básicas, água potável, kits dormitório etc.) a recursos para a contratação de serviços como a limpeza de vias públicas. Os entes podem solicitar, também, auxílio financeiro para recuperação de infraestruturas públicas atingidas pelo desastre.

Previsão de mais chuva

A previsão é que o volume de chuvas seja intenso na sexta-feira (24). A Defesa Civil da Região Metropolitana de Belo Horizonte orientou a população a evitar áreas de inundação e a tomar cuidado com a água, fugindo de áreas alagadas.

Segundo o governo estadual, um plano integrado foi montado para monitorar áreas de risco e emitir alertas à população. Os informes poderão ser encaminhados por SMS (o morador deve enviar uma mensagem para 40199 pra receber) ou pelos perfis da defesa civil nas redes sociais (@defesacivilbh).

Plano Emergencial

A prefeitura de Belo Horizonte anunciou a adoção de um plano emergencial diante das fortes chuvas. Foram definidos onze pontos na cidade para os quais serão direcionados equipamentos e estrutura de apoio.

Serão enviados para os locais indicados 34 caminhões, 12 carregadeiras, cinco escavadeiras, 13 retroescavadeiras, além de tratores, caminhões prancha e jatos de água. Equipes do Serviço de Limpeza Urbana serão encaminhadas para coleta dos resíduos.

Segundo a prefeitura, caso indivíduos ou famílias fiquem desabrigadas, a Secretaria de Assistência Social estará disponível para prestar atendimento. Foram reservadas vagas em pousadas com vistas à realocação nessa hipótese.

Já a prefeitura de Contagem montou postos itinerantes de atendimento em saúde e vacinação nos locais onde a inundação foi mais forte. Famílias atingidas estão sendo cadastradas em um programa local de moradia. O prefeito, Alex de Freitas (sem partido), admitiu que o problema foi ocasionado pela ausência de obras de macrodrenagem.

- Publicidade -