Defesa Civil Catarinense ganha prêmio por inovação em gestão de riscos e desastres

A Instituição ficou com o 1º lugar na Categoria Governo Inovador, com o Case CIGERD: Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres.

0
135
Defesa Civil Catarinense ganha premio de inovacao
Foto: Divulgação Defesa Civil de Santa Catarina

Na noite da última quarta-feira (19) a Defesa Civil do Estado de Santa Catarina (DCSC) foi agraciada com o Prêmio Inovação Catarinense Caspar Erich Stemmer 2019, promovido pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC). A Instituição ficou com o 1º lugar na Categoria Governo Inovador, com o Case CIGERD: Centro Integrado de Gerenciamento de Riscos e Desastres.

O Prêmio Inovação Catarinense surgiu em 2008 com o objetivo reconhecer e dar visibilidade para pessoas, instituições e empresas que se destacam no ecossistema de Santa Catarina contribuindo com o desenvolvimento sócio econômico do Estado.

Para o Chefe da Defesa Civil do Estado, João Batista Cordeiro Jr, o Prêmio é uma vitória para todos os catarinenses que têm à disposição uma estrutura deste porte e que é referência internacional na gestão de riscos e desastres. “Este é o reconhecimento de homens e mulheres que trabalharam sem descanso nos últimos anos para mudar a realidade do Estado e do Governo do Estado, que fortaleceu e solidificou esta estrutura”. destacou.

O CIGERD é um exemplo de inovação, de incorporação de tecnologia, de melhoria de processos e serviços na gestão de riscos e  desastres, demonstrando a preocupação do Governo catarinense com a proteção e a qualidade de vida da população.

O CIGERD tem como principal missão promover, facilitar e apoiar os esforços conjuntos dos diversos setores e órgãos governamentais na redução de riscos, visando prevenção, preparação, resposta e recuperação de desastres no território catarinense.

A estrutura conta com o Centro de Monitoramento, Pesquisa e Alerta, Centro Integrado de Operações, Centro de Informação Pública e 20 Coordenadorias Regionais de Defesa Civil. Da mesma forma, toda a estrutura da DCSC com setores voltados à Gestão de Riscos, Gestão da Educação e Gestão de Desastres.

O complexo do CIGERD representa a ideia e o esforço do Governo na integração dos diversos setores e órgãos oficiais do Estado de Santa Catarina para o gerenciamento de riscos e desastres. Sendo o seu foco dar respostas mais rápidas e ágeis nos eventos adversos, reduzindo os impactos para a população e ao meio ambiente. Sendo este, um dos diferenciais em relação a outros espaços semelhantes.

Foto: Divulgação Defesa Civil de Santa Catarina

Do CIGERD são gerenciados os três radares meteorológicos, que cobrem 100% do território catarinense, e a antena de captação de imagens do satélite Goes 16, o mais avançado em monitoramento meteorológico.

Com esta estrutura é possível emitir alertas antecipados e de curtíssimo prazo que chegam a população  por mensagens  SMS, redes sociais e através do site da Instituição. As informações precisas possibilitam ações de preparação antecipadas para o enfrentamento dos eventos climáticos.

O CIGERD tem como foco central os catarinenses. É um centro de referência, que funciona 24 horas por dia, congregando instituições e políticas públicas, permitindo o planejamento compartilhado de ações. O resultado é a otimização de recursos humanos, materiais e financeiros, materializando a eficiência e a eficácia na gestão de recursos públicos com inteligência, tecnologia e inovação.

- Publicidade -