Países evacuam cidadãos da China enquanto surto do Coronavírus aumenta

Milhares de estrangeiros estão entre os que estão em quarentena em Wuhan, enquanto os países lutam para evacuar seus cidadãos da China. O número de casos confirmados no surto viral mortal já ultrapassou 6.000.

0
43
Países evacuam cidadaos da china enquanto surto do coronavirus aumenta

O Japão e os EUA foram os primeiros a retirar seus cidadãos de Wuhan na quarta-feira (29), com o número de mortos por um surto de coronavírus na China subindo para 132 .

Com o número de casos confirmados até agora passando de 6.100 e a morte de 133 pessoas, a escala da crise excedeu o número de infectados durante o surto de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SARS) de 2002-03 que matou perto de 800 pessoas.

Um avião japonês com cerca de 200 pessoas a bordo chegou ao aeroporto de Haneda em Tóquio na manhã desta quarta-feira. As autoridades disseram que quatro dos passageiros foram levados ao hospital com febre.

Um voo fretado dos EUA que transportava 201 evacuados americanos de Wuhan continua seu caminho para o sul da Califórnia depois que todos a bordo passaram em dois exames de saúde na cidade de Anchorage, no Alasca, onde o avião parou para reabastecer.

O avião transporta funcionários do consulado dos EUA na China e outros americanos. As triagens foram realizadas pelos Centros de Controle e Prevenção de Doenças.

Alemanha evacua cidadãos para Frankfurt

O ministro da Saúde da Alemanha, Jens Spahn, espera que o governo federal chegue a um acordo com as autoridades de Hesse, onde fica o aeroporto de Frankfurt, para evacuar os cidadãos alemães atualmente em Wuhan.

“Queremos alemães em Wuhan e Hubei voltando o mais rápido possível”, disse Spahn.

“Estamos, portanto, em estreito contato com as autoridades hessianas para chegarmos a uma solução entre o governo federal e as autoridades locais, e presumo que teremos sucesso nas próximas horas para que o avião decole o mais rápido possível”, disse ele a repórteres.

Países evacuam cidadaos da china enquanto surto do coronavirus aumenta

Os governos da Austrália e Nova Zelândia disseram que trabalhariam juntos para evacuar cidadãos da província de Hubei, onde Wuhan está situado. Os evacuados devem ficar em quarentena na Ilha Christmas por até 14 dias. O remoto território australiano no Oceano Índico é mais conhecido por ser usado para manter requerentes de asilo que tentaram chegar à Austrália de barco, bem como estrangeiros condenados por crimes na Austrália que aguardam deportação.

A União Europeia levará cidadãos para casa a bordo de dois aviões franceses ainda esta semana. A Coreia do Sul e a Mongólia planejaram evacuações semelhantes.

- Publicidade -